É falso que dinheiro de auxílio emergencial foi depositado em conta milionária

É falso que dinheiro de auxílio emergencial foi depositado em conta milionária
Sancionado pelo Presidente da República, Jair Bolsonaro, no dia 1 de abril, auxilio emergencial começou a ser pago na última quinta-feira (9). (Fonte: Reprodução)
É falso que dinheiro de auxílio emergencial foi depositado em conta milionária

Viralizaram nas redes sociais, posts de diversas pessoas com a imagem de um extrato da Caixa Econômica Federal que chamou a atenção. A imagem é um extrato bancário com saldo de 1,3 milhão de reais que teria recebido os R$600 do auxílio emergencial distribuídos pelo governo federal, que tem como objetivo ajudar as pessoas de baixa renda, mais afetadas pela paralização devido a quarentena.

Essa imagem é falsa. A Caixa Econômica Federal esclareceu em nota que “não pode se tratar de crédito do auxílio emergencial, tendo em vista que o banco iniciou os pagamentos na quinta-feira (9) e não no dia 8, como consta no referido extrato”.

Na última quinta-feira, cerca de 2,5 milhões de pessoas receberam o auxílio emergencial destinada a trabalhadores informais. Os primeiros a receber foram os que já fazer parte do Cadastro Único do governo federal, que não são beneficiados pelo Bolsa Família e que possuem conta na Banco do Brasil ou na Caixa Econômica Federal.

O auxílio deve ser solicitado pelo aplicativo, ou site da Caixa Econômica Federal. Os beneficiados são trabalhadores informais, desempregados, MEIs e contribuintes individuais do INSS, maiores de idade e que cumpram requisitos de renda média (renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa, e de até 3 salários mínimos por família).

Conteúdo de fact-checking do Pipeify.